A HISTÓRIA E A CULTURA DA ÁFRICA E SUAS IMPLICAÇÕES COM A CULTURA BRASILEIRA NA ATUALIDADE

Cultura Africana

OU: O QUE A SUPOSTA IDENTIDADE CULTURAL BRASILEIRA DEVE AOS AFRICANOS, E À ÁFRICA DE UM MODO GERAL, ENQUANTO CULTURA HISTORICAMENTE COMPROVADA?

1 INTRODUÇÃO

Sabemos que existe uma história da África que antecede o tráfico de escravos para o nosso país. Sabemos também que nosso país tem uma cultura anterior a esse mesmo fato aí citado. E sabemos também que após a ocorrência da vinda desses escravos iniciou-se a construção do que hoje chamamos de identidade cultural afro-brasileira. Contudo eu vou além, ouso dizer que o que veio após a chegada dos primeiros negros aqui não foi o nascimento apenas da cultura afro-brasileira, mas sim o princípio da cultura brasileira.

Para melhor ilustramos essa afirmação basta observamos nosso cotidiano. Se analisarmos reflexivamente a nossa atualidade, veremos que a influência da história cultural africana está presente em todos os aspectos da sociedade dita moderna. Não há mais possibilidade de desvincular a cultura brasileira da africana, da indígena ou da européia.

Para ficar mais fácil de entendermos precisamos antes definir o que é cultura. Para Sérgio Grigoletto (2008) “Cultura é um conjunto de valores nos indivíduos de uma determinada sociedade, transmissíveis de forma não biológica”. Sei que o que se pede aqui é a influência da História Africana como um todo, contudo para tornar o entendimento mais significativo, vou me ater a uma análise da cultura africana como produto da sua história. Assim baseado nisso podemos dizer que cultura africana é: os valores inerentes à sociedade Africana. Mas aí a gente esbarra em um problema conceitual. Sabemos que a palavra África é muito pequena pra designar a complexidade cultural nela inserida, quer dizer quando se fala em África geralmente colocamos dúzias de estados independentes, dezenas de etnias diferentes e centenas de “culturas” distintas na mesma panela conceitual. Da mesma maneira ao tentarmos definir o que é cultura brasileira chegamos ao mesmo beco sem saída. Sendo o Brasil um país colonizado e “fabricado” por diferentes pessoas, portadoras de distintas culturas, como então se referir a “uma” cultura brasileira? Por isso volto ao que disse no início, não dá pra desvincular o Brasil de hoje do seu passado “promíscuo” culturalmente falando.

Para tentar resolver esse impasse citado no parágrafo anterior, vamos desambiguar. Nesse artigo quando me referir à cultura africana, eu estarei fazendo menção de um conjunto de costumes, práticas e valores pertencentes aos migrantes forçadamente transladados para a América portuguesa ainda nos idos de 1500. Da mesma forma, quando escrever cultura brasileira, eu estarei falando dos elementos culturais presentes nos atuais “filhos da pátria”. Assim retomando o raciocínio vamos concluindo por ora dizendo então que o presente artigo irá se limitar a três principais pontos de contato entre nossa cultura e a história da África: a linguagem, a culinária e o folclore. Isso porque seria praticamente impossível descrevermos todos os elementos culturais de uma cultura mesclados em outra.

2 LÍNGUA PORTUGUESA DO BRASIL: UM SOPRO AFRICANO EM NOSSO IDIOMA

Segundo Ximenes (2001) a linguagem de uma nação é um organismo vivo, mutável, sujeito a modificações, aberto a interpolações e enxertos de origens diversas. Quer dizer, a língua portuguesa que nós hoje falamos é muito diferente daquela que era falada no início do século passado. Não falo apenas de regras gramaticais, mas também das palavras em si mesmas, já que palavras novas surgem a cada dia, outras deixam de ser utilizadas e outras ainda acabam sendo substituídas. Assim falando fica fácil perceber que a linguagem é uma das áreas mais fáceis de serem influenciadas por alguma cultura estrangeira. Vamos então montar um glossário com alguns exemplos de palavras correntemente utilizadas que tem sua origem nas diversas línguas faladas pelos diferentes povos africanos. A maioria eu encontrei no site Yahoo respostas (2008), todas foram enviadas por usuários do referido site:

A
abará: bolinho de feijão.
acará: peixe de esqueleto ósseo.
acarajé: bolinho de feijão frito (feijão fradinho).
agogô: instrumento musical constituído por uma dupla campânula de ferro, produzindo dois sons.
angu: massa de farinha de trigo ou de mandioca ou arroz.

B
bangüê: padiola de cipós trançados na qual se leva o bagaço da cana.
bangulê: dança de negros ao som da puíta, palma e sapateados.
banzar: meditar, matutar.
banzo: nostalgia mortal dos negros da África.
banto: nome do grupo de idiomas africanos em que a flexão se faz por prefixos.
batuque: dança com sapateados e palmas.
banguela: desdentado.
berimbau: instrumento de percussão com o qual se acompanha a capoeira.
búzio: concha.

C
cachaça: aguardente.
cachimbo: aparelho para fumar.
cacimba: cova que recolhe água de terrenos pantanosos.
Caculé: cidade da Bahia.
cafife: diz-se de pessoa que dá azar.
cafuca: centro; esconderijo.
cafua: cova.
cafuche: irmão do Zumbi.
cafuchi: serra.
cafundó: lugar afastado, de acesso difícil.
cafuné: carinho.
cafungá: pastor de gado.
calombo: quisto, doença.
calumbá: planta.
calundu: mau humor.
camundongo: rato.
candomblé: religião dos negros iorubás.
candonga: intriga, mexerico.
canjerê: feitiço, mandinga.
canjica: papa de milho verde ralado.
carimbo: instrumento de borracha.
catimbau: prática de feitiçaria .
catunda: sertão.
Cassangue: grupo de negros da África.
caxambu: grande tambor usado na dança harmônica.
caxumba: doença da glândula falias.
chuchu: fruto comestível.
cubata: choça de pretos; senzala.
cumba: forte, valente.

D
dendê: fruto do dendezeiro.
dengo: manha, birra.
diamba: maconha.

E
efó: espécie de guisado de camarões e ervas, temperado com azeite de dendê e pimenta.
Exu: deus africano de potências contrárias ao homem.

F
fubá: farinha de milho.

G
guandu: o mesmo que andu (fruto do anduzeiro), ou arbusto de flores amarelas, tipo de feijão comestível.

I
inhame: planta medicinal e alimentícia com raiz parecida com o cará.
Iemanjá: deusa africana, a mãe d’ água dos iorubanos.
iorubano: habitante ou natural de Ioruba (África).

J
jeribata: alcóol; aguardente.
jeguedê: dança negra.
jiló: fruto verde de gosto amargo.
jongo: o mesmo que samba.

L
libambo: bêbado (pessoas que se alteram por causa da bebida).
lundu: primitivamente dança africana.

M
macumba: forma pejorativa de se referir à religião afro-brasileira.
mácula: nódoa, mancha.
malungo: título que os escravos africanos davam aos que tinham vindo no mesmo navio; irmão de criação.
maracatu: cortejo carnavalesco que segue uma mulher que num bastão leva uma bonequinha enfeitada, a calunga.
marimba: peixe do mar.
marimbondo: o mesmo que vespa.
maxixe: fruto verde.
miçanga: conchas de vidro, variadas e miúdas.
milonga: certa música ao som de violão.
mandinga: feitiçaria, bruxaria.
molambo: pedaço de pano molhado.
mocambo: habitação muito pobre.
moleque: negrinho, menino de pouca idade.
muamba: contrabando.
mucama: escrava negra especial.
mulunga: árvore.
munguzá: iguaria feita de grãos de milho cozido, em caldo açucarado, às vezes com leite de coco ou de gado. O mesmo que canjica.
murundu1: montanha ou monte; montículo; o mesmo que montão.
mutamba: árvore.
muxiba: carne magra.
muxinga: açoite; bordoada.
muxongo: beijo; carícia.
massagana: confluência, junção de rios em Angola.

O
Ogum ou Ogundelê: Deus das lutas e das guerras.
Orixá: divindade secundário do culto jejênago, medianeira que transmite súplicas dos devotos suprema divindade desse culto, ídolo africano.

P
puita: corpo pesado usado nas embarcações de pesca em vez fateixa.

Q
quenga: vasilha feita da metade do coco.
quiabo: fruto de forma piramidal, verde e peludo.
quibebe: papa de abóbora ou de banana.
quilombo: valhacouto de escravos fugidos.
quibungo: invocado nas cantigas de ninar, o mesmo que cuca, festa dançante dos negros.
queimana: iguaria nordestina feita de gergelim .
quimbebé: bebida de milho fermentado.
quimbembe: casa rústica, rancho de palha.
quimgombô: quiabo.
quitute: comida fina, iguaria delicada.
quizília: antipatia ou aborrecimento.

S
samba: dança cantada de origem africana de compasso binário (da língua de Luanda, semba = umbigada).
senzala: alojamento dos escravos.
soba: chefe de trigo africana.

T
tanga: pano que cobre desde o ventre até as coxas.
tutu: iguaria de carne de porco salgada, toicinho, feijão e farinha de mandioca.

U
urucungo: instrumento musical.

V
vatapá: comida.

X
xendengue: magro, franzino.

Z
zambi ou zambeta: cambaio, torto das pernas.
zumbi: fantasmas.

Assim como pudemos notar há um leque enorme de palavras que tem sua origem ligada ao continente africano. Algumas já caíram em desuso, mas a grande maioria ainda está entre nós. E essa é uma pesquisa recente, só Deus sabe mensurar exatamente a importância da África para a nossa língua.

3 A CULINÁRIA BRASILEIRA QUE TEM SABOR DE ÁFRICA

A culinária do Brasil tem uma nítida influência africana. É a essa conclusão que chegará quem se propuser a estudar, mesmo que superficialmente o tema. Segundo a Larousse (1995)
O negro introduziu na cozinha o leite de coco-da-baía, o azeite de dendê, confirmou a excelência da pimenta malagueta sobre a do reino, deu ao Brasil o feijão preto, o quiabo, ensinou a fazer vatapá, caruru, mungunzá, acarajé, angu e pamonha. A cozinha negra, pequena, mas forte, fez valer os seus temperos, os verdes, a sua maneira de cozinhar. Modificou os pratos portugueses, substituindo ingredientes; fez a mesma coisa com os pratos da terra; e finalmente criou a cozinha brasileira, descobrindo o chuchu com camarão, ensinando a fazer pratos com camarão seco e a usar as panelas de barro e a colher de pau. Além disso, o africano contribuiu com a difusão do inhame, da cana de açúcar e do dendezeiro, do qual se faz o azeite-de-dendê. O leite de coco, de origem polinésia, foi trazido pelos negros, assim como a pimenta malagueta e a galinha de Angola.

Ainda usando a mesma enciclopédia podemos montar um pequeno quadro com alguns pratos ainda hoje largamente presentes nas cozinhas brasileiras, principalmente no nordeste, e que são originários da África (para não ficar demasiado extenso, e por não ter a pretensão de esgotar o assunto, a título de exemplo serão citados apenas os iniciados com a letra A):

Ado
Doce de origem afro-brasileira feito de milho torrado e moído, misturado com azeite-de-dendê e mel. (No candomblé, é comida-de-santo, oferecida a Oxum).

Aberém
Bolinho de origem afro-brasileira, feito de milho ou de arroz moído na pedra, macerado em água, salgado e cozido em folhas de bananeira secas. (No candomblé, é comida-de-santo, oferecida a Omulu e Oxumaré).

Abrazô
Bolinho da culinária afro-brasileira, feito de farinha de milho ou de mandioca, apimentado, frito em azeite-de-dendê.

Acaçá
Bolinho da culinária afro-brasileira, feito de milho macerado em água fria e depois moído, cozido e envolvido, ainda morno, em folhas verdes de bananeira. (Acompanha o vatapá ou caruru. Preparado com leite de coco e açúcar, é chamada acaçá de leite.) [No candomblé, é comida-de-santo, oferecida a Oxalá, Nanã, Ibeji, Iêmanja e Exu.]

Abará
Bolinho de origem afro-brasileira feito com massa de feijão-fradinho temperada com pimenta, sal, cebola e azeite-de-dendê, algumas vezes com camarão seco, inteiro ou moído e misturado à massa, que é embrulhada em folha de bananeira e cozida em água. (No candomblé, é comida-de-santo, oferecida a Iansã, Obá e Ibeji).

Aluá
Bebida refrigerante feita de milho, de arroz ou de casca de abacaxi fermentados com açúcar ou rapadura, usada tradicionalmente como oferenda aos orixás nas festas populares de origem africana.

Esses são então, alguns pratos tipicamente africanos que hoje encontram-se visceralmente inseridos na mesa dos brasileiros. Além deles existem inúmeros que, conforme supracitado, por uma questão de espaço não serão aqui relatados. Há que se fazer menção, contudo à feijoada, orgulho nacional, que segundo alguns historiadores, também tem a sua origem ligada à história dos primeiros africanos nas senzalas do período colonial brasileiro. Do que dá pra tirar a conclusão de que no campo da culinária, muito daquilo que hoje a gente considera como tipicamente nacional não passa de “apropriação” da cozinha africana.

4 A HISTÓRIA DA ÁFRICA MARCA NOSSO FOLCLORE

A frase que abre esse tópico resume o resultado da pesquisa que realizei pra elaborar esse artigo. Uma definição para a palavra folclore se faz necessária nesse ponto não é? Relembro então uma definição que me foi passada na escola primária: Folclore é uma palavra de origem estrangeira que significa SABER DO POVO, onde Folk=Povo e Lore=Saber. Simples assim. Agora, passemos à analise do que faz parte do saber do nosso povo.

Destaco em primeiro lugar as lendas que nos foram legadas por nossos antepassados. Vamos citar de relance apenas duas. A primeira que me vem à mente é a do negrinho do pastoreio. Extremamente conhecida e que à primeira vista é um misto de cristianismo com moralismo anti-escravista. Para quem não conhece, a lenda conta a história de um negrinho, escravo, de obvia origem africana, que é incumbido de buscar uma tropilha de potros perdida. Na ausência de exito de sua missão é castigado pelo estancieiro, chicoteado e amarrado em um formigueiro. A parte cristã entra em cena então no final da história, quando na manhã seguinte é encontrado vivo, são e salvo, acompanhado da virgem Maria. A partir dali, livre, liberto e sorridente, se transforma numa espécie de buscador informal de coisas perdidas. Alguns até fazem uma analogia com a história de outro personagem negro de nosso folclore, o saci. Mas enfim, no frigir dos ovos, dá pra dizer que essa lenda envolve a História da África, pois qual é o fato da história do continente vizinho que até pouco tempo era único no objetivo de unir nossas historias? A escravidão.

Passemos agora para a outra lenda, esta extraída do site Diário de Lisboa:

Quibungo: É uma espécie de monstro, meio homem, meio bicho. Tem a cabeça enorme e um grande buraco no meio das costas, que se abre e fecha conforme ele abaixa e levanta a cabeça. Come pessoas, especialmente crianças e mulheres, abrindo o buraco e atirando-as dentro dele.
O quibungo, também chamado kibungo ou chibungo, é mito de origem africana que chegou ao Brasil através dos bantus e se fixou no estado da Bahia. Suas histórias sempre surgem em um conto romanceado, com trechos cantados, como é comum na literatura oral da África. Em Angola e Congo, quibungo significa “lobo”.
Curiosamente, segundo as observações de Basílio de Magalhães, as histórias do quibungo não acompanharam o deslocamento do elemento bantu no território brasileiro, ocorrendo exclusivamente em terras baianas. Para Luís da Câmara Cascudo, apesar da influência africana ser determinante, “parece que o quibungo, figura de tradições africanas, elemento de contos negros, teve entre nós outros atributos e aprendeu novas atividades”.
Extremamente voraz e feio, não possui grande inteligência ou esperteza. Também é muito vulnerável e pode ser morto facilmente a tiro, facada, paulada ou qualquer outra arma. Covarde e medroso morre gritando, apavorado, de forma quase inocente.

Apesar de não estar presente no país todo, essa espécie de bicho-papão africano, ainda é uma história muito comum na Bahia e em alguns estados do nordeste sendo, portanto considerada como parte do folclore brasileiro. 

Outra referência que devemos citar ao falarmos de folclore são as manifestações artísticas. Logo acima nas palavras de origem africana nós citamos o samba. Esse é o representante maior no cenário artístico. Ainda hoje o Brasil é conhecido mundialmente como o país do futebol e do samba. Mas aí perguntamos: que História da África há por detrás do samba? Vamos aos fatos.

De acordo com artigo encontrado no site Sua Pesquisa (2008) o samba é uma adaptação das danças e dos cantos tribais dos primeiros escravos a aportarem no Brasil. Aqui ele sofreu variadas mutações até chegar ao estilo que hoje nós conhecemos.

A partir daí é possível fazer uma dedução lógica, se eram cantos tribais por certo tinham a sua significância histórica. Todas as sociedades procuram um meio artístico para representarem sua história. Concordamos que por vezes o resultado é idealizado, mitológico, romanceado ou fantasioso, contudo não pode ser desconsiderado como material histórico. Do que podemos concluir que o samba, por ser descendente dessas manifestações culturais pode ser considerado um belo exemplo disso tudo que estamos tentando demonstrar.

Poderíamos ainda discorrer sobre a capoeira, contudo particularmente considero a capoeira mais uma arte marcial do que uma manifestação artística. Mas vale o registro como fato ligado à História dos primeiros escravos africanos no Brasil que aperfeiçoaram a luta como forma de resistência aos dominantes. A música e a dança, na qual a luta pretendeu se esconder servia apenas para mascarar o verdadeiro caráter da capoeira, como dizia o conhecido Mestre Palhinha “A capoeira é antes de tudo luta, e luta violenta” (abrasoffa.org, 2008).

5 CONCLUSÃO

Como temos visto a influência da História Cultural da África é muito nítida na cultura do nosso país. Citamos exemplos de palavras usadas na nossa língua pátria que vieram dos africanos, também elencamos ingredientes culinários provenientes do continente vizinho e concluímos citando algumas manifestações folclóricas brasileiras ligadas à cultura da África. Conforme vimos então são vários os exemplos que nos permitem fazer uma tentativa de responder a pergunta inicial do artigo: O que nossa cultura herdou da África? Muita coisa! Não dá para citarmos um percentual, mas aquilo que hoje consideramos como Cultura Brasileira, identidade cultural nacional, ou qualquer conceito do gênero está definitivamente vinculado à História da África, que nos foi ligada a partir do momento em que o primeiro escravo africano pisou em solo tupiniquim. Vale ressaltar contudo que todas as demais levas de emigrantes europeus e asiáticos, ajudaram a formar esse mosaico de culturas diversas que forma uma ampla, complexa e única cultura nacional.

6 REFERÊNCIAS

ABRASOFFA. A história da capoeira. Disponível em <http://www.abrasoffa.org.br/folclore/danfesfol/capoeira.htm>. Acesso em 08 de setembro de 2008.
DIÁRIO DE LISBOA. Mitos e Lendas daqui e de lá. Disponível em <http://thelisbongiraffe.typepad.com/diario_de_lisboa/2006/09/mitos_e_lendas__2.html>. Acesso em 08 de setembro de 2008.
GRIGOLETTO, Sérgio. O que é cultura (2). Disponível em: <http://www.clubeletras.net/blog/cultura/o-que-e-cultura-2/> Acesso em 08 de setembro de 2008.
LAROUSSE, Grande Enciclopédia Cultural. Sociedade e Cultura. São Paulo: Nova Cultural, 1995.
SUA PESQUISA. A história do Samba. Disponível em <http://www.suapesquisa.com/samba/>. Acesso em 08 de setembro de 2008.
XIMENES, Sérgio. Dicionário da Língua Portuguesa. 3ª ed. São Paulo: Ediouro, 2001.
YAHOO RESPOSTAS. Palavras Africanas. Disponível em <http://br.answers.yahoo.com/search/search_result;_ylt=Ai3bxNmMl5WnUtf2kKtWHdPx6gt.;_ylv=3?p=palavras+africanas+>. Acesso em 08 de setembro de 2008.

______________________

Quer saber mais sobre história ou Cultura da África? Acesse:

http://eudesenholetras.wordpress.com/2012/09/06/o-ensino-de-historia-da-africa-no-vies-dos-livros-didaticos-contemporaneos/
http://eudesenholetras.wordpress.com/2009/03/05/a-reforma-protestante/
http://eudesenholetras.wordpress.com/2009/06/06/trabalhadores-duas-epocas-distintas/
_______________________________________

Acesse também: www.cooperativadeletras.wordpress.com o melhor blog literário ao sul dessa borda da galáxia!

About these ads

Sobre Tiago

Brasileiro, casado, vinte e poucos anos, escritor por obrigação e prazer, professor, curioso, eclético em matéria de música, adora livros e filmes inteligentes, cristão-evoluteísta (isso existe?), gosta de política, já sonhou ser presidente do Brasil. Hoje se contenta em contribuir para o crescimento vegetativo da população tendo dado o seu contributo em duas ocasiões. Belíssimas ocasiões, diga-se de passagem!
Esse post foi publicado em ARTIGOS e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

272 respostas para A HISTÓRIA E A CULTURA DA ÁFRICA E SUAS IMPLICAÇÕES COM A CULTURA BRASILEIRA NA ATUALIDADE

  1. Ana Paula disse:

    muito bom mesmo esse site quando fui procura sobre a cultura africana falava de outras coisas que nao tinha nada a ver com a autra. parabens

  2. tiago basso disse:

    esse artigo esta muito bom, eu gostaria de receber emails do blog sobre o que foi postado.
    obrigado

  3. rodolfo disse:

    gostei do resutado da minha pesqueisa que foi no seu saite.espero que muita gente veja a publicação.

  4. thalynne disse:

    me ajudou muito no trabalho de historia!!!

  5. [[[[[[[[[[ disse:

    ´ç;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  6. kááh disse:

    graça a esse site comsequi fazer o meu trabalho na escola!!!!!!!! final mente acheii um que eu queria !:) Demoreii mais acheiii!!!!!

  7. ari disse:

    obrigada! fiquei procurando um tempao para meu trabalho de escola, e até que enfim achei oque prescisava. VALEU!

  8. Làárinha s2 disse:

    vlw era isso msm q precisa pro trabalho de historia

  9. erika disse:

    olha eu achei tudo oq eu presizava aqui

    • CARLA disse:

      EU TAMBEM ACHEI O QUE EU QUERIA MAIS EU QUERIA UM RESUMO PEQUENO POR QUE A MINHAR PROFESSORA MANDO NOS FAZER UM TEXTO SOBRE A CULINARIA BRASILEIRA DA AFRICA ENTENDE MAIS EU AGRADESSO POR QUE JA VEM COM A INTRODUSAO E ETC…….

  10. amei o blog. realmente encontrei o que queria

  11. eu disse:

    não gostei do site!!!!!!!

  12. ki podre eu keria costume cultural africano diferente do nosso
    nem adianta fala cmg no msn e podre 100% podre PODREEEE

    • Tiago disse:

      Pro cara aí de cima que achou podre: Deixa de ser criança, agora eu tenho de escrever justamente sobre o que vc quer? Esse aqui foi um artigo que eu redigi no meu curso da faculdade, posso te garantir que serviu exatamente para aquilo que eu queria. Se não serviu pra vc, problema seu. Deixa de ser preguiçoso e faz um que vc não ache podre. Aí vem e mostra… Idiota…

  13. Idália disse:

    Este conteudo é muito bom, apresentei um trabaho na Faculdade da Uniasselvi-Ivaiporã….Fantastico…

  14. Ivan Adriano Dias de Andrade disse:

    E aí Thiago… muito bom trabalho. Cheguei a usá-lo para o meu paper de história da Uniasselvi, que por sinal é o mesmo tema. Fiquei feliz por ter encontrado um artigo seu na rede, e por já o conhecer e saber que daqui alguns meses estaremos formados…

    Um abraço.

  15. isys disse:

    oy tdúúúúú benes?

    espero q esteje tdú boim!

    rsrsrsrsrsrsrsrsrrs!!!!!!!!!!!

    um bjo

    xau xau

  16. Adriana disse:

    Parabéns, me serviu e muito, consegui extrair algumas informações muito bacanas e muito úteis.

  17. Carlos Jr. disse:

    ¬¬ Não ajudou muito…

  18. Noob disse:

    faz melhor entom u.u

  19. adriane disse:

    ta louco e

  20. celia madalena lournço disse:

    eu só quero conhecer a terra onde meus avós e bizavos cresceram e deram frutos…tanto que aqui estou para questionar…eles se foram mas eu estou aqui…

  21. Marineize disse:

    amei curso letras e minha monografia esta centrada no preconceitos alais nos , que os livros didaticos apresentam nesta questão do negro , seja ele do Brasil ou não. Poruqe essa divisão não pode existir já que somos descendentes , nossos ancestrais quase que 70% são de oriegem africana .
    Mais o que muito me chamou a atenção no material , foi em relação a possibilidade que ele nos oferece : Tb trabalho com alunos do 3.º ano do ensino fund. I seguimento e consegui montar uma aula maravilhosa com resultados espetacular depois que adquiri este materia .
    Parabens !!

  22. Mary disse:

    é muito bom o seu artigo!!!

    me ajudou bastante!!!

  23. Michelle disse:

    Nossa nunca ví igual. Realmente tenho que admitir: muito bom…
    Um artigo que realmente fala muita coisa sobre os africanos e que ajudou muitas pessoas. Inclusive eu…é importante sabermos a cultura africana…
    me ajudou bastante o assunto…

    PARABÉNS!!!

    tudo de bom!!!

    • MIKAELLE disse:

      Parabéns!!!!
      Estou fazendo um trabalho da faculdade e o seu artigo é o que faltava pra complementar o que eu estou querendo… Vc arrasou em postar ele na net , pois assim vc está colaborando pra que nós possamos mudar um pouco essa história de preconceito e conscientizar a todos, que nós brasileiros somos e sempre seremos descendentes de africanos.
      Obrigada pela contribuição!!!
      PARABÉNS!!!

  24. jamile disse:

    muito massa

  25. karalho disse:

    Foda-se todos bando de FDP

  26. sabryna disse:

    seu site e legallllllllll.

  27. sabryna disse:

    adorei o seu site e muito interessante..graças a ele eu consegui fazer o meu trabalho da escola.obrigado!rs bjs

  28. Raquel disse:

    hahaha me divirto, o povo se supera nesses comentários!
    mas olha, seu artigo tá legal, garanto que tem um monte de gente usando de fonte, só que esquecem de agradecer xD
    beijos! :*

  29. paulo disse:

    obrigado, encontrei o que precisava, muito util, foste feliz nesta escrita.

  30. gabriela capelli disse:

    muito bom mesmo……obrigado!!!

  31. diego elhamas saab dull disse:

    achei muito interessante seu artigo me ajudou no trabalho em que estou fazendo obrigado.

  32. Paulo disse:

    Obrigado, foi muito útil.
    Não responda aos desaforados, deixe eles para eles mesmo.

  33. jefferson disse:

    tiago seu artigo me ajudou muito no trabalho de historia e cultura….
    e não liga para as criticas não de boa…………

  34. danison da rocha disse:

    esse sim, é o cara mesmo parabens!!!!

  35. Ana Claudia disse:

    Tomara todas matérias postadas na internet fossem de conteúdos sérios e edificantes. Muito bom que ainda existem pessoas que fazem trabalhos bons. Foi na sua matéria que encontrei o que eu precisava e de melhor conteúdo. Parabéns!!!

  36. marcelo disse:

    sou marcelo do coc quero respostas

  37. romulo disse:

    o site é muito bom!
    trabalhe mais nele e coloque mais informaçoes
    ficará melhor ainda
    parabens

  38. Lidia Emilia disse:

    muito bom todo o contexto que esta sendo mostrado a todos e todas…isso nos mostra de fato quem somos e qem quem podemos nos espelhar…temos que saber que nao somos nada,e nao somos melhor do que nada…somos o que Deus quer que sejamos….alem disso (nada mais)na historia da africa como no seu contexto(continente africano)paramos para pensar em tudo o que fazemos…quando “guspimos pra cima”,falando que nao queremos algo que esta a nossa frente(comida)se pararmos pra pensar sobre os masi pobres,se pararmos para pensar em nosso proximo,se pararmos para refletir no que podemos faezer para ajudar de primeira todos ficariam confusos nao saberiam o que fazer pra começar por falta de recursos…e sao nesses contextos que paramos e observamos que nao somos nada….essa pagina na internet a qual se refere sob a Africa so nos mostra a cultura,linguas,crenças,formas de se vestitem e viverem,mas se formos falar na real sobre a africa…nao saberiamos pois nao estamos na pele de nenhum deles …talvez nenhum de nos “nunca”,passou fome…e essa realidade….mas o que eu quero citar aqui nao e so da africa e do mundo como um todo….na verdade de todo esse contexto O MUNDO precisa de DEUS…ele é a razao para vivermos RESPIRARMOS,ANDARMOS,FALERMOS,EXERCITARMOS,AGIRMOS…de todos esses aspectos posso resumir DEUS em apenas uma palavra ele e TUDO dento desse TUDO encontamos:MARAVILHOSO,CONSELHEIRO,DEUS FORTE,PAI DA ETERNIDADE,PRINCIPE DA PAZ,ALEGRIA,MANSIDAO,CONSOLO,ABRIGO,FORÇA,GARRA,SOBERANIA,JUSTO,FIEL,RAZAO DO VIVER,AMOR,CARINHO.AFETO…….

  39. Anônimo disse:

    agooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooogogogoogogogogogog

  40. Alex disse:

    negros safados………

  41. gustavo disse:

    aaaaaafffffffffffffffffffffffrrrrrrrrrrrrrrrrrrriiiiiiiiiiiiiiicccccccccccccccaaaaaaaaaa

  42. jheniffer disse:

    obrigada por esta pesquisa sem ela eu conseguia fazer o trabalho da escola

  43. paula tejando disse:

    loco

  44. Bianca Andrade disse:

    Ameiiiiiiii
    muito bom!!!
    consegui a maior parte da minha pesquisa aqui. beijinhos

  45. Natália Cullen disse:

    Cara, tá perfect, me ajudou muito no trabalho de H. da África !!! Parabéns e abrigada. ♥

  46. Pingback: Sul – Sul: Brasil Entra Pesado na Disputa pelos Recursos Africanos | PoliticaExterna.com

  47. -C'Dias disse:

    bii. eu ja lavei os dentes nao morro hj sem os lavar. lol

  48. daniele disse:

    como é o haitt aii é muito curioso eu queria saber ok xauuu beijosss….

  49. kelly kaline andrade silva disse:

    muito bem gostei amei adorei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    ache nego da africa…….

  50. Amanda s2 Bruno disse:

    Ameeeei
    Nossa bom de mais
    Acehi o q precisava e muitoo mais
    Tirei total no trabalho

  51. Lia disse:

    Eu gostei muito desse texto porém ele é muito grande Mas ei tiei nota A
    Beijão
    Para todos os pirralhos q lerem isto
    Até mais

  52. jhon disse:

    porrra esta merda toda ai e muito grandi para que tudo isto fasia um resumo porra !!!!!!

  53. bruna disse:

    É muito bom mesmo!!!!!! !

  54. Ryukazay disse:

    Nois Somos Nois Da Ponte Dos Gongós

  55. puta da bahia disse:

    q merda velho ! seu idiota vai tranzar com uma negona !!!

    • miley cyrus disse:

      OIII SÓ QUERO DIZER QUE VOU DAR MEU CÚ HOJE NOITE TE VEJO LÁ VIU TO DOIDINHA PRA DAR O MEU PRIQUITO VC QUER CHUPAR………………mileycyrus@hotmail.com

      • sarah sofhia_filosofia disse:

        vai aceitar jesus e estudar miley, esse cara ai se esforçando para ensinar as pessoas e você faz um negorcio desse,…….. até que eu li direito eu gostei parabens rapaz você é um otimo escritor divia ganhar até premio de melhor escritor do MUNDO….adoro você brincadeira tirei 9.0

  56. jucileia gieldes disse:

    obrigada sua pesquisa me ajudou vc não faz ideia do quanto ….

  57. Blast disse:

    Muito bom esse site eu fiz um trabalho dele 4º serie………..muito bommmmmmmmmmmmmmmmmmm
    .

  58. wesley disse:

    ta muito show!!!
    ajudou muito para um trabalho que tive q fazer!!!
    e uma historia interesante!!!!!!!!

  59. cinara disse:

    GOSTARIA DE SABER SE TEM ALGUMA COMIDA DOCE QUE TEM ORIGEM NA AFRICA E QUE NOS COMEMOS NO BRASIL. POR FAVOR, ME AJUDEM… MEU E-MAIL: cinarabeterli@hotmail.com

  60. Pamela disse:

    esse site me ajudou no meu trabalho de historia foi dificil mas achei

  61. wesley disse:

    esse site e absurdamente bom!!!!!!

  62. Laiza disse:

    esse texto é muito bom , me ajudo muito .

  63. joao disse:

    se o resumo for iso eu nao sei o que que vai ser o testo normaul

  64. ari disse:

    Parabéns pelo seu trabalho.
    Sou professora do 4° ano do ensino fundamental, esse material caiu do céu.Durante esse mês montei um mine projeto sobre a África,queria mostrar para meus alunos, não só o lado sofrido do povo africano, mas a sua essência, sua contribuição para a nossa formação.O teu trabalho está claro e objetivo.estou visitando outros site e estou amando conhecer mais sobre a África.
    Valeu!
    Quanto aos comentário negativos, não liga não, é coisa de gente que não tem e não sabe o que fazer….

  65. brenda lins disse:

    e muito bom so esta faltando figuras !

  66. Justin Bieber disse:

    Ummmmmmmmmm Boiólaaaaaaaaaa !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  67. gleize100%gatinha de natal disse:

    e legal

  68. beatriz disse:

    deixa de ser criança ne mane vc e uma mulher

  69. gabriel disse:

    legal

  70. VAI SE FUDER JUMIOR disse:

    horrivel , -’- i go foky you bitch!!!!!

    • sarah sofhia_filosofia disse:

      adoreiiiii tambem acheii uma maior cagada ……nada a ver,nada a ver…….. finalmente alguem que concorde comigo…….rsrsrsrs maior porcaria tirei 3.0

  71. edcdcy disse:

    não gostei merda nenhuma

  72. resa disse:

    esta pagina nao tem nada

  73. Rita Gomes disse:

    Também sou professora do 5 ano, Ensino Fundamental e graduada em História, gostei muito do seu trabalho.Pessoas que criticam é porque não tem conhecimento e educação.Mantenha-se superior a esses comentários infantis.Obrigada pela pesquisa.

  74. tata e ana disse:

    adoreiii…..*¬*

  75. fatima garcia disse:

    gostei muito lllllllllleeeeeeeeggggggaaaaaaaaaalllllllllll

  76. amei vai me ajudar muito…

  77. Darielle Steffanie Vilas Boas disse:

    Obrigado!!!Achei muito maneiro o seu site gostaria de te conhecer pra gente trocar ideia seria legal!!!

    ADOREI!!!!!

  78. amei o assunto muito massa valeu é muitooooooooooooooo enteressante obg!!!♥♥♥

  79. shgf disse:

    odiei o site!!!!!!!!!!!!!!!!

  80. Anônimo disse:

    Olá Bom dia Tiago! Sou professora com mestrado em educação. Sou consultora e orientadora acadêmica e gostei muito do seu artigo. Você escreveu com a tecitura que se deve dar ao texto: simplicidade, clareza e cumprimento do objetivo proposto. Estou orientando um trabalho de conclusão de curso e a autora citou seu texto e fui conferir. Gostei do que li e digo que você tem futuro garantido como pesquisador e escritor. Parabéns!

    • Tiago disse:

      Uau!
      Inflou meu ego agora.
      Obrigado. Sei que ainda falta muito, mas estamos na busca desse objetivo.

      Abraço.

      • Bruno disse:

        esse artigo e PODRE nada presta não falo nada da cultura africana quem fez esse artigo não é nada inteligente.

        • Rafael disse:

          Esse comentário é PODRE, nada presta, quem fez esse comentário não é nada inteligente.

          Falando sério, o título do artigo é A INFLUÊNCIA DA CULTURA AFRICANA então não esperem um tratado sobre a cultura africana, mas tão somente uma análise dos pontos de contato dela com a nossa. Não entender esse detalhe é que é um sinal de falta de inteligência…

  81. sarah sofhia_filosofia disse:

    nada a ver com a materia tirei 3.0

  82. anonimo disse:

    chatooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo de massssssssssssssssssssssssssssssssssssssss

  83. disse:

    Nossah essas matérias são mtooo boas msm, vc naum sabeh o quantoo mee ajudooo….. mais vc beim ki podiia por mais coiisas sobre instrumentos, danças e ritmos musicais… bjãoooo…..

  84. Mete mete disse:

    Vão tomar no cu bando de arrombado chupão minha mãe mandou eu fazer um trabalho e eu tive que copiar esse caralho todinho bando de arrombado!!!!!!!!!!!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • sabryna disse:

      porra eu tbm tive que copia isso tudiiiinhOOOOOOOOOO caralho é mta coooisa -’- se fooode professora -’-

  85. italo disse:

    legal adoreiiiiiiiiiii

  86. Keren disse:

    Maravilhoso o seu site adorei, me serviu muito.

  87. Ana Cláudia disse:

    Gostei do que achei, q vc continui a usar o seu dom e talento, parabéns q Deus continue te abençoando, apresentarei um trabalho sobre africanidade e sua cultura e sei que seu artigo muito me ajudou!!!

    AbÇs…

  88. tainá disse:

    mora na africa é bom

  89. Anônimo disse:

    a minha mãe mandou eu faser ese trabalho o rivel e chato

  90. Armando nascimento de jesus disse:

    nao sei o q eu faria sem esse site

  91. [GM] gabriel disse:

    ¬¬ odiei n ajudo em nada n presta

  92. a cultur africana me da um,a vongtade miwrhuioewasfuwÇGYDSHJKJsagderayysvbvfhyhfmoidnkd

  93. Anônimo disse:

    Quem não tem conhecimento igual a você, realmente utiliza essa prática, mas ja quem é dotado de raciocinio lógico, não deve e nem precisa! Quanta estupidez!

  94. kkkk mora na africa deve ser muito ruim mano

  95. Cala a boca Idiota voç não sabe de nada
    se gosta se muda pra la

  96. Maria Fernanda disse:

    Muito bom seu artigo, ajudou bastante na construção que estou fazendo!
    abraço.

  97. leonardo disse:

    muito imteresante mas,podia colocar mais imformações sobre a arte africana.

  98. leonardo disse:

    mas mesmo sem a arte é um artigo muito imteresante
    :p !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  99. jane disse:

    ridiculo feio esse texto ñ gostei porra nenhuna

  100. débora dilly disse:

    Gostei muito de poder contribuir com o seu grande e maravilhoso trabalho
    Abraços!!!!
    e Boa Sorte para vc!!!!
    Débora Dilly!!!!

  101. ♥♥♥Marianny de lima♥♥♥ disse:

    Gostei muito d visitar esse site , ele me ajudou muito no trabalho de História
    bjjjjjjjjjjj de MARIANNY

  102. Anônimo disse:

    obrigada por esta pesquisa sem ela eu conseguia fazer o trabalho da escola

  103. ISABELLE disse:

    EU ADOREI O BLOG E PERFEITO PARABENS TIAGO ME AJUDOU BASTANTE

  104. o outro anonimo disse:

    voce podia por uns mapas aipra ajuda meu professor de geografia aconselho esse site pro trabalho mais presiso de maa tambem e seria uma boua se voce pusesse

  105. o outro anonimo disse:

    foi mal os erros e que meu teclado ta ruim

  106. ♥♥♥Deborah Lima disse:

    Nossa!!!Ameii!!Muito legal me ajudou bastante no trabalho de Geografiaa….E tah bem é muito interessante…….Valeuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!♥♥♥Bjosssss

  107. Anônimo disse:

    ta perfeito cara eu achei tudo o que precisava pro meu trabalho da escola, eu não achei pagína melhor do que essa cara, ta insanamente boa!Eu achei o que eu preciso e mais
    obrigado infinitamente mano .vc me salvou o meu professor indicou o site certo!Continue assim que vc vai longe na sua carreira!E outra coisa nem liga pra essas pessoas que ficam falando mal desse excelente trabalaho,essas pessoas falam isso pois elas não enxergam o que é um trabalho de verdade,realmente adorei o blog e quando eu precisar faser uma pesquisa ja sei onde procurar.obrigado novamente e que deus te acompanhe .

    • o outro anonimo disse:

      voce estuda no leonardo da vinci de taguatinga???

      • lucas disse:

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  108. VVVV disse:

    o meu professor de geografia pediu a mesma coisa que o outro anonimo falou a questão dos mapas.

  109. VVVV disse:

    ta uma obra prima essa página meu trabalho de geografia ta toda nela continue assim que vc vai longe na sua carreira, eu desejo que vc continue assim e tenha uma vida feliz . que deus te acompanhe

  110. obrigado por ajudar minha filha que vcs continue ajudando os nossos filhos

  111. myleni disse:

    seu site me ajudou mas falta algo mais importante do que ja tem!!!!!!!!!!!!!!

  112. mileny disse:

    eu não achei tudo que eu queria mas tudo bem

  113. cristiano disse:

    xatoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

  114. Thayla disse:

    Adoreei me ajudou muitoo valew’s

  115. ,kn disse:

    que porcaria nao achei nada para minha resposta

  116. Anônimo disse:

    adorei o seu trabalho muito bom e espero ver mas trabalhos seus e que fiquem cadaves melhor boa sorte.fica com Deus, bjs!

  117. jessika disse:

    adorei esse site me ajudou muito no meu trabalho de escola e aprendi ,muito!!!

  118. Tati disse:

    Adorei o seu artigo, ele me ajudou muitoo em um trabalho!!! obrigada:)

  119. vp snid disse:

    Gostei muito
    : )

  120. vp snid disse:

    BORBOLRTA NO JARDIM AGORA V…
    TERMINE A MUSICA
    KKKKKKKKKKKKKKKKKK

  121. minha jente vcs ja fizeram uma pesquisa sobre o munguza

  122. meeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee ajudouuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu muiiiiiiiiiiiitooooooooooooooooooooooooooooooooo

  123. Anônimo disse:

    não ajudou nada não entendi coisa nenhuma que vcs escreveram

  124. Anônimo disse:

    muito bom

  125. Anônimo disse:

    muito bom seu artigo…
    mas, eu acho, que falta um complemento…
    …a realidade do africano hoje
    …dizer o que precisa ser mudado e o que já foi mudado
    …analisar toda a parte da sociologia neste contexto, para assim tentarmos tornar o mundo cada vez melhor, um espaço com mais dignidade para se viver. Mas sozinhos, não conseguiremos!

  126. isabela ramos rodrigues disse:

    adoreiiiiiii!

  127. Jilok disse:

    Meo, eu fiiz o meu trabalho inteirinho baseado e resumido no seu, meo, perfeitoooooooooooooooooooooooooooooooooo mtoo obrigadaa

  128. Clau disse:

    O que eu estava procurando sobre a cultura Africana dentro do Brasil encontrei aqui, me ajudou muito! Você está de parabéns ;D

  129. nagtalonwqlpay disse:

    Hello. And Bye.

  130. fernando disse:

    vc me ajudou muito mesmo tiago valeu mano agora por sua causa tirei 1 10

  131. fernando disse:

    muito obrigado mesmo
    agora não to mais de castigo :) :) :) :) :)…

  132. fernando disse:

    zuera não tava de castigo mano,
    mas valeu mesmo.

  133. fernando disse:

    a e boa sorte com seu plano de ser presidente do Brasil espero que consiga tiago um abraço ai mano se consegui faz 1s melhorias no nosso país valeu. ;)

  134. fernando disse:

    tchau galera
    vo me manda

  135. fernando disse:

    eai mas ninguém responde aki no site gente alguém fala alguma coisa ai

  136. fernando disse:

    alguma coisa

  137. fernando disse:

    ai

  138. julia disse:

    muito bom esse artigo :) valeu me ajudou bastante……

  139. gatynha de guaiba disse:

    muito bom.
    msn ae:greicebsilva@hotmail.com.br

  140. Júlia disse:

    eu tbm achei tudo mas podia resumir tudo em um texto com as partes mais importantes!!! *_*

  141. ana luiza disse:

    ADOREIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII O SITE
    GOSTEI MUITO MESMO
    SOU ALUNA DO 6 ANO E ISSO ME AJUDOU MUITO
    OBRIGADA NAO LIGA PRA NINGUEM Q TA FALANDO Q O
    SEU SITE E RUIM

  142. luiz claudio disse:

    quero saber uma brincadeira africana . nao encontrei….estou tentando fazer um trabalho da escola..obrigado

  143. euuuuu disse:

    mto xato podre horrivel detestei num sabem nem da uma noticia

  144. monalisa disse:

    isso que vcs abordaram aki, naum tem nd a ver c o tema…. vots… autores vcs fugiram total do tema… aff. naum me serviu pra nada.

  145. Poliana disse:

    Gostei muito do conteúdo muito bem explicado !
    Não precisa copiar é só entender e aprender pra depois enterpretar com suas palavras o que você entendeu
    Beijos e Boa sorte para todos!

  146. daniel disse:

    parabens seu site é uma blz

  147. laura disse:

    Eu gostei mto dsete site

  148. Amanda disse:

    Ótimo :)

  149. mariana disse:

    quase mori para fazer um trabalhosobre isso

  150. lara disse:

    da prossima coloca mas pequena a resposta tabom brincaderilha ta otimo assim nao presisa mudar nada bjsssssssssssssssss adorio vcsssssssssss

  151. lara disse:

    E TUDO VERDADE QUE EU DISSE MAS DA PROMA COLOCA PEQUENO QUASE MORRI PRA FAZER ESSE TRABALHO

  152. jully disse:

    vc me ajudou mto a fazer meu trabalho.
    valeu .

  153. Micaella disse:

    Vc dono desse site fala D+ e ñ diz nd n entendi nd.

  154. Micaella disse:

    Seu site é uma mrd n tendi nd vc fala D+ e ñ diz nd.

  155. Julia Bosta disse:

    DICA PARA MENINAS Só meninas entra no blog ninguem merece:blog da cacau
    escreva sue cmt e depois a cacau da a sua opniao bjs

  156. Ana Terra Blanco disse:

    Nossa na minha faculdade pediu isso e está simplesmente o máximo só uma sugestão: da próxima resume.

  157. Sadie disse:

    Achei mt interessante.Fiz meu trabalho de história,e copiei daqui acho q a prof vai gostar

  158. eduarda disse:

    me ajudou muito no trabalho de escola muito show

  159. kathyleen disse:

    ai! eu ameeeeeeeei este site , a profª pedio para agente(alunos) fizese um trabalho sobre a AFRICA e a maioria das coisas q eu queria estava aqui .como teve varias pessoas que não gostaram deste site , em nome de todos eles eu digo´´ MUITO OBRIGADOOOO“! eu quero resposta. ass: eu mesma

  160. Ana Paula disse:

    Nossa!!Me ajudou muito,Thiago.
    Obrigada!
    Era o que u estava precisando…

  161. dytg disse:

    bande de filho de raparifga

  162. LUCAS disse:

    cara muito bom,me ajudou de uma forma ,estava totalmente desesperado pela cultura africana……seu site me ajudou muito OBRIGADAO CARA

  163. adorei esse texto pois tirei 10 no meu trabalhooooooooooo fiquem com deus pois jesus ama todos vcs
    BJS

  164. pedro disse:

    A so as palavras que serviu nun tinha uma coisa boa falando de vestuario,literatura,dança
    ah vai arranjar outro blog pra fazer pode ser um de “burrice”

  165. josue disse:

    esse site é mui paia

  166. Fuck-Me disse:

    josué deixa de ser Cinico seu Vadiu.
    o Site é ótimo c Não gostou fazz melhor seu fdp

  167. Laura Fábian disse:

    gostei de + da conta

  168. kerlla disse:

    godtei muito da conta obg…

  169. Andrei disse:

    Tirei 10 em Geografia… Vlw pela Força…!!!!!

  170. ffffff disse:

    me ajudou muito ,obrigado

  171. Daniel disse:

    me ajudem no trabalho de história por favor!!!!!!!!!!

    Oque é a influência africana na cultura brasileira

  172. elizandra disse:

    nossa isso me ajudou mt na resposta de geografia da escola. mt bom mesmo.

  173. Bruna disse:

    Olá,
    Parabéns pelo conteúdo postado! Está me ajudando em um trabalho de faculdade!
    Obrigado pelo auxilio!

    Abraço

  174. keninha disse:

    :) adorei o artigo me ajudou bastante,sou muito grata a esses artigos é as pessoas que os escrevem,pois meus pontos para passar na língua portuguesa ja estão garantidos para o final de ano

  175. Lucia disse:

    pelo amor de Deus preciso do significado da simbologia da serpente para os africanos!!! alguém sabe????????

    • Tiago disse:

      Buenas.
      Primeiro temos que lembrar que ao se falar em africanos estamos nos referindo a uma infinidade de povos distintos com aspectos culturais diversos.

      Mas para te dar uma resposta concisa posso lhe adiantar que na mitologia Iorubá existe uma serpente (serpente arco-irís) que representa uma divindade chamada Oxumaré, símbolo da riqueza, da continuidade e da permanência.

      Dá uma pesquisadinha no google que deve aparecer mais coisas.
      por exemplo o mito animista de que as serpentes nunca morrem e se rejuvenescem todas as vezes que trocam de pele.

      Confere lá!

  176. mano disse:

    nao me ajudou em nad afaleu

  177. ana disse:

    perfeito isso cara parabens vc e demais ta bjs!!!!!!!!!!!

  178. ana disse:

    isso e tipo um resumo sobre as culturas africanas ameiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  179. andressa disse:

    afffs pelo amor de deus????

  180. andressa disse:

    ah ate q ajudou affs

  181. Pingback: O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA NO VIÉS DOS LIVROS DIDÁTICOS CONTEMPORÂNEOS | Eu vou morrer sem escovar os dentes…

  182. feualope disse:

    vcs tem que se enteresar mais

  183. eu odiava africa mais fikei sabendo ke e legal estudar faz bem a saude e tbm para o cerebroo

  184. rayluan disse:

    nossa… eu tavo presisando de um asunto como ese… ese foi o melhor q eu achei …. muito massa …. (y)

  185. Iza belle disse:

  186. dayane disse:

    muito legallllllllllllllllllllllll
    amei

  187. victor disse:

    kkkkkkk que coco

  188. victoria disse:

    isso nao me ajudou em nada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s